Como definir o planejamento de TI de acordo com as tendências e transformação digital?

7 minutos para ler

O planejamento estratégico de TI é um processo extremamente importante para as empresas. Ele é responsável pela otimização do desempenho e da produtividade dentro da organização. Essa prática traz ótimos benefícios para os negócios, agregando maior segurança aos sistemas, banco de dados e rede interna.

Além disso, com um planejamento estratégico bem estruturado no setor de TI, é possível integrar as operações da empresa, elevando a eficiência dos processos de monitoramento e controle. A transformação digital é essencial para aliar a tecnologia à inovação dentro do empreendimento. Assim, você terá condições melhores de otimizar os seus esforços e alcançar resultados mais expressivos.

Continue a leitura e veja como definir o planejamento de TI com base nas principais tendências!

Comece com a estratégia de negócios

Quando falamos em estratégia de negócios, estamos fazendo uma referência ao plano usado pelo exército, em que o foco é alcançar os seus objetivos com ótimos resultados e eficiência. Isso significa que as empresas utilizam esse planejamento como forma de aumentar a lucratividade do empreendimento e se tornar mais competitiva no mercado.

Outros conceitos foram adaptados ao cenário corporativo, como a sustentabilidade e a ética, como forma de otimizar ainda mais o desempenho dos esforços praticados. Por isso, o planejamento estratégico de TI deve ter uma conexão sólida com esse plano.

Se a empresa tem o foco em investir na transformação digital, a área de TI deve exemplificar a eficiência da tecnologia sobre as operações e sobre a equipe. Um plano eficiente não envolve apenas o investimento necessário para colocá-lo em prática ou quais ferramentas tecnológicas devem ser usadas para alcançar ótimos resultados.

Esse processo é justamente uma análise minuciosa sobre quais mudanças são necessárias dentro da empresa para que os objetivos sejam alcançados. A estratégia de negócios é justamente o ponto de partida para que o planejamento de TI seja mais eficiente e traga os resultados esperados.

Realize uma análise sobre os objetivos da empresa

Nenhum planejamento estratégico de TI será efetivo se você não tiver os objetivos e metas traçados corretamente. Para isso, é essencial que você entenda o cenário atual do negócio. Quanto maior for o seu conhecimento sobre o segmento e as necessidades da empresa, mais preciso vão ser os seus esforços na hora de alcançar melhores resultados.

Por isso, ao realizar um planejamento estratégico, é preciso colocar na ponta do lápis os principais pontos que precisam de maior dedicação e como você poderá concluir os seus objetivos. Você pode começar definindo metas de curto, médio e longo prazo para nortear as suas futuras decisões rumo ao sucesso.

A análise sobre as necessidades da empresa é muito importante para evitar que seus esforços sejam em vão. Além disso, ao começar o processo de implementação da transformação digital na empresa, é preciso estudar mais a fundo como a tecnologia pode potencializar o desempenho das operações e gerar bons resultados.

Confira alguns dos principais objetivos que as organizações traçam para o seu planejamento estratégico de TI:

  • otimização de processos;
  • redução de custos;
  • maior produtividade, mobilidade e segurança;
  • elevar a segurança;
  • melhorar a qualidade de entrega de serviços e produtos;
  • abocanhar oportunidades de crescimento.

Conheça as demandas

Antes de começar a definir o seu planejamento de TI, é essencial que você conheça bem as demandas de cada setor dentro da empresa. Esse processo é importante para conseguir identificar as rotinas processuais mais críticas e que dependem do departamento de tecnologia da informação. É inegável que as empresas precisam de respostas cada vez mais rápidas em relação às mudanças no mercado e na legislação.

O processo de implementação da transformação digital envolve adotar as novidades tecnológicas no cenário empresarial para otimizar os processos, automatizar tarefas, aprimorar a gestão, entre outros. Por isso, ao entender as demandas de cada setor da empresa, você terá um norte ao definir o seu planejamento estratégico e gerenciar os seus ativos de TI e os processos originados deles.

Estude as melhores opções de tecnologias e soluções

Para definir o planejamento estratégico de TI com base nas principais tendências de mercado, é preciso entender que esse processo exige um certo nível de investimento. Dessa forma, antes de aplicar recursos em soluções eficientes para o empreendimento, é preciso entender quais tecnologias emergentes podem beneficiar o seu negócio ou prejudicar o andamento das operações.

Cada empresa lida com produtos e serviços diferentes das outras, o que significa que nem todas as opções vão ser válidas para o empreendimento. Investir em algo sem a certeza de que o dinheiro foi bem aplicado pode acabar trazendo sérios prejuízos ao caixa. Durante a implementação da transformação digital, é muito importante entender quais processos podem ser otimizados por meio da tecnologia e como ela poderá beneficiar os colaboradores.

Elabore um plano de execução

Antes de definir o seu planejamento estratégico de TI, é essencial que você elabore um plano de execução. Ele é responsável pelo monitoramento das práticas realizadas e por facilitar o processo para os envolvidos. Aqui, são trabalhados dois elementos importantíssimos para o seu sucesso: os KPIs e as iniciativas.

No caso do primeiro, trata-se de todos os indicadores essenciais para o sucesso da sua estratégia. Eles são usados para medir as mudanças almejadas pelos gestores durante a execução do projeto. Com eles, é possível acompanhar de perto os resultados adquiridos e entender mais a fundo como o seu planejamento de TI está caminhando.

Enquanto isso, as iniciativas são justamente os projetos estratégicos de TI. Elas funcionam de forma similar aos KPIs. Isso significa que elas também devem refletir os efeitos das práticas usadas e como elas impactaram os resultados do negócio.

Defina as principais métricas

A análise de métricas é um processo bastante valioso para quem quer resultados melhores. Aqui, é possível ter um acompanhamento mais preciso sobre o impacto dos seus esforços e nortear as suas futuras decisões com base em dados reais sobre o negócio. Realizar um planejamento de TI sem metas mensuráveis pode comprometer toda a sua operação.

Ter um indicador claro e alinhado aos seus objetivos é essencial para garantir uma forte integração com todo o seu planejamento estratégico de TI. Vale lembrar que a frequência de análise e de comparação das métricas podem variar. Algumas podem ser estudadas mensalmente, enquanto outras exigem um intervalo menor.

Para definir um planejamento estratégico de TI eficiente em sua empresa, é necessário ter um conhecimento amplo sobre o mercado. As tecnologias estão em constante evolução. Por isso, ficar de fora das principais tendências pode acabar tornando muitos processos obsoletos e prejudicando o sucesso do seu negócio.

Gostou do conteúdo? Aproveite para entrar em contato com um de nossos consultores e veja como nossas soluções podem potencializar o seu negócio!

Posts relacionados

Deixe um comentário

Share This