Certificações Google Cloud Platform: você sabe quais são e qual sua importância para as empresas? Independentemente da sua resposta, preparamos este artigo para falar justamente sobre isso.

Porém, antes de mais nada, é importante que você saiba que, quando falamos do Google Cloud Platform, estamos nos referindo a um pacote completo de serviços em armazenamento e gestão de dados que pode ser executado a partir dos equipamentos (hardwares) da própria organização.

Contudo, administrar todos esses serviços e aproveitá-los ao máximo em benefício da empresa demanda conhecimento. É nesse sentido que as certificações Google Cloud atuam: na capacitação de gestores e funcionários em projetar e organizar as soluções e aplicações da plataforma.

Neste artigo, abordaremos os principais pontos dessa solução. Você verá as suas vantagens, os serviços que são oferecidos e as certificações envolvidas. Continue a leitura e confira.

Quais são os benefícios para as empresas?

Diferentemente dos tradicionais serviços em nuvem, aqueles que permitem apenas o armazenamento de dados, o Google Cloud Platform permite a realização de uma série de diferentes atribuições, incluindo até mesmo o desenvolvimento de aplicativos.

Além disso, é possível projetar programas de gerenciamento de CRM (Customer Relationship Management) e atuar no aperfeiçoamento da administração de Big Data.

Entre os benefícios, o Google Cloud Platform possibilita que as companhias aumentem os índices de produtividade e se tornem mais competitivas. Isso ocorre em razão da qualidade e agilidade dos serviços oferecidos pelo pacote, que contribuem para a organização das rotinas operacionais e a melhoria do tempo gasto no que se refere à realização dos trabalhos.

Nesse contexto, são diversos os benefícios que podem ser obtidos, incluindo:

  • redução dos custos operacionais ligados aos processos administrativos e de controle (a médio e longo prazo);
  • suporte para o desenvolvimento de aplicações web/mobile;
  • diminuição do tempo necessário para a execução das atividades operacionais do dia a dia (ganho de escalabilidade);
  • grande disponibilidade de possíveis soluções para problemas;
  • resposta instantânea às mudanças e demandas do mercado;
  • aprimoramento dos níveis de segurança das informações;
  • preços justos e competitivos.

Uma observação a se fazer, nesse caso, é que, para ser possível usufruir dessas vantagens ao máximo, é necessário investir em treinamentos específicos ofertados por empresas especializadas em serviços de TI. ​Assim, sua equipe se prepara para executar as atividades relacionadas à plataforma.

Quais são os serviços oferecidos?

Agora que você já sabe as vantagens de contar com o Google Cloud Platform, vamos entender melhor sobre quais são os serviços oferecidos no pacote. Acompanhe!

Google App Enginee

Segmento da plataforma que dá aos desenvolvedores o acesso escalável à hospedagem do Google, é sobre isso que se trata o Google App Engine. Em termos práticos, a criação de softwares e/ou aplicativos pode ser feita dentro do próprio App Engine por meio das ferramentas de desenvolvimento (SDK) disponíveis.

Google Cloud Storage

Google Cloud Storage é a parte que foi projetada para o armazenamento de grandes quantidades de informações não estruturadas. Esse serviço permite aos usuários inúmeras opções quanto ao aprovisionamento dos bancos de dados, como:

  • Cloud Datastore (para NoSQL);
  • Cloud SQL (para fully-relational MySQL);
  • além de diversos tipos de armazenamentos não relacionais.

Google Compute Enginee

Serviço que consiste na hospedagem de workloads (virtuais ou humanos) e permite que os usuários iniciem máquinas virtuais (VMs) sob demanda a partir de imagens padrão ou imagens personalizadas (criadas pelo próprio usuário).

Google Container Enginee

Pautado na tecnologia Google Kubernets, o Container Engine foi desenvolvimento para o gerenciamento de containers dockers executados dentro do próprio Google Cloud Platform.

Quais são as certificações Google Cloud?

Além de todos esses recursos mencionados no tópico anterior, existem também as opções de certificações Google Cloud, que funcionam como um selo de competência e habilidade para a empresa e seus funcionários.

Existem duas modalidades de certificações. A primeira é a de associados, voltada para pessoas que têm menos experiência com os serviços do GCP e serve como uma etapa para quem quer alcançar as certificações posteriores.

Já as certificações profissionais são direcionadas para quem já tem habilidades de design e implementação avançadas na plataforma. São recomendadas para quem já tem mais de três anos de experiência com as ferramentas.

A seguir, explicamos cada uma delas detalhadamente e ressaltamos os benefícios de obtê-las.

G Suite

Essa certificação consiste em um exame que mensura de forma objetiva a capacidade que uma pessoa tem para trabalhar, se comunicar e gerir tarefas com base nas ferramentas de produtividade e colaboração do G Suite.

A certificação G Suite só está disponível na língua inglesa e sua realização é controlada remotamente. O formato da prova é de múltipla escolha, tendo o desempenho nas respostas como parâmetro de avaliação.

Cabe salientar que não existe nenhum tipo de pré-requisito para efetuar a certificação. Ao solicitar o exame, você recebe uma considerável quantidade de tarefas para realizar em até duas horas, devendo ser feitas com as próprias ferramentas do G Suite.

A inscrição para o teste custa 75 dólares e para realizá-lo é preciso dispor de uma webcam, um microfone e a última versão do Google Chrome instalado e funcionando corretamente.

G Suite Administrator

Ao obter a certificação G Suite Administrator, o profissional prova que tem as habilidades necessárias para configurar e gerenciar todos os aspectos que se relacionam a um domínio do G Suite.

Estão inclusas, nesse caso, a administração de:

  • usuários;
  • grupos;
  • acesso a serviços;
  • unidades organizacionais;
  • políticas de acesso por dispositivos móveis;
  • segurança no domínio G Suite como um todo.

Assim como no caso do G-Suite, não há pré-requisitos para a realização desse exame.

O formato também é o mesmo: baseado em desempenho e disponível apenas em inglês. Sua realização é feita por meio do Admin Console de um domínio estabelecido e o profissional recebe uma série de problemas para resolver em até quatro horas.

A taxa de inscrição é de 60 dólares, sendo indispensável para a realização da prova a utilização de uma webcam, de um microfone e do Google Chrome na sua última versão.

Data Engineer

Ser capaz de solucionar os impasses relacionados aos sistemas de processamento de dados, com ênfase nos quesitos confiabilidade, segurança, fidelidade, tolerância a falhas, eficiência e escalabilidade: é isso que propõe a certificação de Data Engineer.

Ao obtê-la, o profissional também se torna apto a coletar e analisar os dados de negócios, desenvolvendo relatórios estatísticos (gerais e específicos, visando o suporte para as tomadas de decisão) e criando modelos de Machine Learning (aprendizado de máquina) para a automatização e a simplificação dos processos da empresa.

Disponível em inglês, japonês, espanhol e português, o formato do exame é de múltipla escolha. Embora não haja pré-requisitos, o teste deve ser feito de maneira presencial em algum dos locais autorizados. A taxa de inscrição é de duzentos dólares, com duração de no máximo duas horas.

Cloud Architect

Com exatamente o mesmo formato do Data Engineer, incluindo a taxa de inscrição e a maneira de ser realizado, o certificado Cloud Architect indica que o indivíduo pode ajudar as organizações a melhor aproveitar as tecnologias em nuvem. O exame avalia a capacidade em planejar e gerir a arquitetura e infraestrutura da nuvem.

Cloud Developer

Trata-se da certificação voltada para profissionais que desenvolvem aplicativos escalonáveis. Gestão, criação e implementação de aplicativos a partir da nuvem são capacidades testadas na certificação.

A duração do teste também é de no máximo 2 horas, custa 200 dólares e está disponível em inglês e japonês.

Cloud Network Engineer

Para profissionais que atuam na implementação e gerenciamento da arquitetura de rede. São avaliados conhecimentos de configuração de serviços de rede, implementação de interconectividade híbrida e de nuvem virtual pública.

A certificação também custa 200 dólares, leva até 2 horas e está disponível apenas em inglês. O exame deve ser realizado em um local autorizado.

Cloud Security Engineer

Direcionada para as práticas de segurança para as infraestruturas do Google Cloud Plataform. O profissional deve estar apto a configurar os acessos de rede, garantir a proteção de dados, atuar no desenho de respostas a incidentes e compreender questões regulatórias.

O exame só está disponível em inglês, deve ser feito pessoalmente em lugares credenciados e custa 200 dólares.

Associate Cloud Engineer

Também é voltada para a capacitação do profissional em gerir e monitorar as operações corporativas. Trata da implementação, planejamento e configurações de soluções na nuvem, assim como sistemas de segurança dos dados.

O exame só pode ser feito em uma central autorizada e dura até 2 horas. A taxa de inscrição é de 125 dólares e está disponível também em português.

As certificações Google são válidas por 2 anos a partir da data da aprovação. Após esse período, os profissionais precisam refazer os testes para se manterem atualizados.

Em caso de desaprovação na primeira tentativa, é possível realizar uma segunda avaliação após 14 dias. Caso o resultado ainda não garanta a aprovação, é preciso esperar 60 dias. Para uma quarta tentativa é necessário aguardar 1 ano.

Por meio dessas certificações, o negócio passa a ter uma compreensão completa a respeito das arquiteturas online e do Google Cloud Platform.

Os profissionais poderão projetar, desenvolver e gerir soluções seguras, robustas, dinâmicas e escaláveis, com as mais altas taxas de disponibilidade quanto ao direcionamento dos objetivos da companhia.

Para concluir, é interessante ressaltar que o Google Cloud Platform já atende mais de um bilhão de usuários em cada um dos seus oito produtos disponíveis (como G Suite, Maps, Chrome, Gmail etc.), o que fortalece a importância das certificações Google Cloud.

A melhor forma de preparação para os exames é por meio das práticas diretas com as ferramentas da plataforma. Ainda assim, nas páginas de informações sobre os exames é possível conferir guias sobre as tarefas avaliadas.

As certificações Google são, além de termômetro sobre as habilidades profissionais dos funcionários, uma forma de manter a equipe qualificada e com credibilidade diante do mercado.

Se você gostou desse post e quer continuar informado sobre soluções em TI e inovações no mercado, assine nossa newsletter e receba diretamente nosso conteúdo.